2 de dezembro de 2013

De alma e coração

É com grande alegria que hoje publico uma pequena entrevista à Rita Oliveira, do 'De Alma e Coração', blog inspirador onde são registados os jantares, festas e casamentos organizados por esta empresa. Eu sou fã convicta, gosto imenso da originalidade da decoração, acho lindos os arranjos florais campestres e tudo resulta lindamente nas fotografias. São tudo aquilo que gostamos na revista Kinfolk...

Por tudo isto, lembrei-me de lhes pedir uma entrevista para nos explicarem como se fazem eventos tão bonitos e tão cheios de simplicidade. Tendo em conta que o Natal já está no horizonte, proponho-vos que leiam e aproveitem as dicas da Rita para os vossos jantares. É certamente o que eu irei fazer!







Para começar, como surgem os temas?
Não existem propriamente temas, o tema acaba por ser a celebração em si, concentramos-nos em fazer com que o jantar/ festa que idealizamos em conjunto com os noivos. O tema acaba por ser sempre o mesmo celebrar!

Que objectos usam na decoração? Já vi latas bonitas a servirem de ‘jarra’, já vi garrafas. Tudo pode ser usado?
Tudo pode ser usado sim, dentro da nossa linha, muitas vezes usamos objectos que alguém da família colecciona ou tentamos usar algo com mais história porque esses objecto transmitem uma alma diferente, tudo o que tem história tem mais significado.     
 
Há algum aspecto que considerem fundamental na decoração de um jantar ou festa? O que é que não pode faltar?
O que não pode mesmo faltar são as pessoas, sei que a pergunta se refere à decoração mas nós tentamos sempre dar até aos nossos artigos um lado humano, uma festa/jantar sem pessoas, sem risos, sem alguém que a viva não é nada e por isso dizemos que a decoração só está completa quando chegam as pessoas, fazemos todos os detalhes para serem vistos, "usados" e desfrutados por alguém.

Que tipos de flor escolhem – reparei que usam mais flores selvagens do que flores de ‘florista’. Por exemplo, não estou à espera de encontrar gerberas nas vossas decorações (mas posso estar errada!).
Temos uma filosofia, usar flores de época e sim quase sempre mais campestres, usamos muito eucalipto, oliveira como verde, agora nesta altura a urze, bagas sempre algo que seja de época e que nos leve para um ambiente mais natural e não artificial como acho que algumas flores parecem ter, principalmente as tingidas. Adoramos o meses de Março/Abril/ Maio é quando existem mais tipo de flores, peónias que são lindas é uma perdição, mas todas as épocas têm o seu encanto e gostamos muito de respeitar isso.

Onde encontram este tipo de flores?
Nós vamos a um mercado onde existe uma senhora que literalmente se levanta e vai apanhar ao campo diversos tipos de flores e verdes selvagens, uma senhora já velinha que vende com a filha já sabe o que gostamos depois um ou outro tipo de flores mais especifico encontra-se noutras bancas, vamos á descoberta cada dia que vamos é uma surpresa e é engraçado ir conhecendo a época de cada coisa e os nomes que muitos ainda não sabemos. Para quem quiser encher a casa de flores ou fazer uma decoração agora no Natal aconselho ou a ir passear pelo campo e apanhar (que muitas vezes o fazemos) ou então ir ao mercado da Ribeira sexta feira ao final da tarde e lá encontra-se muitas flores.

Quais são os vossos locais preferidos para organizar jantares e para celebrar casamentos?
Os nossos locais preferidos são os locais que não estão preparados para tal e nos quais vamos desenvolver todo um conceito e arquitectura para celebrar a data em questão, seja porque motivo for.
Isso é o mais aliciante, compensador e também mais trabalhoso, mas somos uma equipa, fazemos desde da parte gráfica a toda a decoração bem como o registo (foto+vídeo) da festa em si, cada um de nós teve a sua formação mas todos nós interferimos nas diferentes áreas, porque a luz que a decoração decide irá interferir no registo fotográfico e filme, logo é um trabalho sempre em conjunto que nos tornou bastante cúmplices e coesos como equipa e que penso que se nota bastante no nosso trabalho.

Têm algum evento organizado por vocês com o qual mais se identificam, um preferido?
Já são alguns, o casamento do circo porque marcou uma mudança, o casamento da taberna das almas porque foi trabalhar desde do 0 até onde chegámos, eventos diferentes como o jantar da primavera em que cada pessoa se pode inscrever e os que fizemos este ano que ainda iremos publicar... não há um ou melhor se calhar ha, o preferido é sempre o próximo, se pensarmos bem é verdade enchemos-nos de esperança e de força como se fosse o primeiro e ha sempre um entusiasmo "vamos fazer isto aquilo e acoloutro", "tirar foto assim, fazer este plano ali" "as flores acolá..." é engraçado porque acho que sentimos sempre que "este é que vai ser perfeito" e a realidade é que todos o são à sua maneira.

Onde vão quando precisam de inspiração?
Hoje em dia a internet é sem duvida uma fonte que não pára, se houver um bom filtro consegue-se ver, ler e perceber verdadeiras influências, depois vivemos muito de imagens, filmes, música todos nós temos formação em artes, design, vídeo, fotografia, arquitectura, existe uma partilha muito intensa de cada um de nós de trabalhos que vamos vendo em áreas completamente distintas de mercado mas que nos acabam certamente por influenciar.
E a maior inspiração de todas é viajar, "é o unico investimento que gera riqueza" e é uma grande verdade!

Podem recomendar uma loja em Lisboa? E um restaurante? E um blog e uma revista?
Loja - Agora que está a chegar o natal e não só os sabonetes são lindos e maravilhosos recomendamos muitas vezes como prenda, Sabão Olivia https://www.facebook.com/pages/Sabão-Olivia/136959719731214?fref=ts
Restaurante - A cantina (Lx Factory)
Blog- http://oliviaraejames.com/blog/, acho que este espreito mesmo muitas vezes, é das minhas fotografas preferidas, lá está as pessoas e a forma como as capta e as histórias que contam, podemos não ler nada só ver e as imagens que estas contam-nos histórias as que queremos "ler".
Revista - todos conhecem, é referenciada por muitos e não é nenhuma novidade mas tem muito a ver com a filosofia deste projecto (de alma e coração), mostrou como as coisas simples são sem dúvida as mais importantes por isso ca vai, Kinfolk. E outra porque não poderia deixar de referenciar EMIGRE uma referência em vários aspectos para e não só designers gráficos.

Fotografia/ Photo: Rodrigo Cardoso - De Alma e Coração
Design e Decoração - Rita Oliveira - De Alma e Coração
Designer Floral/ Florist Designer - Margarida Matias - De Alma e Coração

Sem comentários:

Enviar um comentário

 
Its Monday But Its Ok! © 2013.

Design by The Blog Boat