22 de outubro de 2014

Seis dicas para arrumar armários

Num destes fins-de-semana em que o tempo não estava tão convidativo como agora, aproveitei para fazer uma limpeza ao meu armário. Arrumei a grande parte das roupas de verão e fiz uma selecção apurada das roupas de outono e inverno que vou usar*.
Hoje deixo-vos seis ideias sobre arrumação de armários de roupa.


1. Um espírito objectivo e não sentimental é fundamental quando se trata de roupa
Se estamos a guardar uma peça porque ela, em tempos, nos ficou bem ou porque foi oferecida por uma tia amorosa, não resulta! Os armários não são suficientes para guardarmos roupa boa e roupa que não usamos... E muito menos para recordações e memórias, ainda que sejam felizes! Isto é um lembrete para mim também, que não consigo deitar fora o casaco vermelho que usei no primeiro encontro com o R*!

2. (Até) para arrumar é necessária alguma organização
Antes de começar, preparar sacos onde vão sendo colocadas os vários tipos de roupa: um saco para as peças que são boas mas que já não gostamos - para dar a amigas ou a associações; outro para as que precisam de um arranjo ou limpeza e outro para as que já não têm remédio e têm mesmo que ir para o lixo. Isto para evitar os montes de roupa em cima da cama ou no chão, que dão imenso trabalho no fim da arrumação!
 
3. Ter caixas para arrumar acessórios
Cintos, lenços, echarpes, malas pequenas, luvas e chapéus, entre outras coisas, podem deixar um armário absolutamente caótico se não estiverem devidamente arrumados. É importante ter caixas colocadas num sítio acessível para as podermos usar sempre que necessário.
nota: gosto de caixas todas brancas (ou de cores neutras) que, contrariamente a caixas com padrões, ajudam a criar um ambiente clean.
 
4. Libertar as prateleiras
Convém não encher as prateleiras até à exaustão porque, por um lado, não se consegue encontrar nada e, por outro, sempre que tentamos tirar de lá uma peça as outras ficam todas amarrotadas e desarrumadas.
 
5. Cabides iguais

Um armário bonito, arrumado e que dá gosto abrir tem cabides iguais, idealmente de madeira (e no meu mundo perfeito, de madeira branca). Claro que muitas vezes aproveitamos cabides que vêm com a roupa (e também resulta), mas se queremos obter o estilo depurado e arrumado, uns de madeira como estes, por exemplo, resultam muito bem.
 
 
6. Agrupar tipos de peças iguais
Eu gosto de separar a roupa por casacos de rua, casacos e camisolas, vestidos, camisas e calças. E que esteja tudo arrumado por cores! Bem sei que é um bocadinho desnecessário, mas é outra alegria ao abrir o armário de manhã!
 

7. Cada peça no seu lugar

A minha última regra é manter cada peça - saia, camisa, casaco (ou o que for!) num lugar fixo: se as colocarmos sempre no mesmo sítio é muito mais fácil (e rápido) encontrar e perceber o que está ou não disponível e a manter todo o conjunto arrumado.
Estas são as minhas dicas. E vocês, têm alguma regra para ajudar a arrumar?
 
{imagens aqui e aqui}

4 comentários:

  1. Este ano, pela primeira vez, fiz uma mega arrumação ao armário. Resultado: não tenho (mesmo!) roupa para o inverno - calças de ganga não contam, porque não as posso vestir todos os dias para o emprego - e não arranjo nada decente!
    Mas sim, aconselho uma cabeça fria tremenda para sermos capazes de nos vermos livres dos monos!! E no fim fica tão organizadinho que dá pena tirar o que seja de lá!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem dúvida!

      Oh Ana, mas essa arrumação que fez, para além de libertadora, deve ser um pouco penosa para a carteira:) !

      Eliminar
    2. É verdade, mas também me obriga a não gastar tanto em coisas que vêem para casa só porque "oh-tão-giro" e depois só visto uma vez!

      Eliminar
    3. Sem dúvida... no mundo ideal, investíamos em peças de óptima qualidade, que nos ficassem mesmo bem! Às vezes, o difícil é encontrar essas peças...

      Eliminar

 
Its Monday But Its Ok! © 2013.

Design by The Blog Boat