4 de março de 2015

Casa Inteligente

É o compromisso da IKEA, que a leva a desenvolver produtos que ajudam a melhorar a vida dentro de casa. Desta vez, trata-se do lançamento de um conjunto de produtos - mesas-de-cabeceira, candeeiros e secretárias, que carregam (wireless) dispositivos móveis...
 
IKEA believes in finding simple solutions to our everyday needs at home. This time, they are bringing us some new furniture (desks, lamps and tables) that will be able to charge our phones wirelessly.

 
Esta gama chega às lojas em Abril e confesso que estou curiosíssima com o que nos traz.
This new furniture will be in the stores by April, and I must confess I am super curious about it.

8 comentários:

  1. Como sempre, mesmo de férias, não resisto em vir espreitar... E quero partilhar consigo o que faço por estes dias :)
    Estou na Suécia, maravilhada com tudo que é decoração, é tudo tão bonito prático e confortável. O pormenor está em todo o lado, até na entrada das lojas, restaurantes, antiquários, mercados... Estou maravilhada!
    Durante uma semana vivo num apartamento de uma família sueca, com um bosque e um lago por perto, maravilhosos... Acho que tenho alma sueca, embora goste muito de calor :)
    Mas a decoração é que me conquista, identifico-me completamente com esta forma de habitar os espaços...
    Aqui está frio, não tanto quanto esperava... O ano passado estive na Islândia e por lá estava pior (no Verão), mas ambos os países têm a mesma magia, qualquer coisa de idílico que não sei explicar... Embora os suecos tenham um gosto mais apurado no que toca ao lado estético.
    E é assim, apeteceu-me partilhar consigo algo que penso termos em comum :), o gosto pela decoração escandinava.

    Depois desta longa partilha, algo deslumbrada com tamanha beleza, deixo-lhe um beijinho e desejo de continuação de boa semana.
    Luísa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Luísa,

      Que maravilhosa descrição! Nunca fui à Suécia, mas adorava ir por todos os motivos que menciona, pela decoração, pela natureza, pelo estilo, pelas lojas. Acho que sim, também iria (irei) ficar deslumbrada!

      Agradeço-lhe imenso ter parado uns minutos para vir aqui partilhar a sua experiência, por se ter lembrado de mim. Fico verdadeiramente feliz....

      Um beijinho e boa continuação de férias!

      Marta

      Eliminar
  2. Olá Marta,

    Penso que vai gostar de conhecer a Suécia... Até o silêncio é diferente :)
    Parece tudo tão no lugar... Cada cantinho, cada janela iluminada por um pequeno candeeiro, ao fim da tarde, já noite, parecem pequenos faróis que nos guiam até elas, escancaradas, sem cortinas, transparentes... Não é exibicionismo, é mesmo transparência.
    E transportam a natureza para dentro de casa... Vivem-na e cuidam tão bem dela.
    Hoje, cedo, estava um Sr. já com alguma idade a tratar das casinhas de passarinhos penduradas nas árvores, que existem junto da casa onde fiquei... E estava tudo branquinho por causa da geada.
    Vivem muito em comunidade, todos dão do seu tempo para cuidar... É bonito.


    ResponderEliminar
  3. Sem querer enviei O comentário antes de me despedir... melhor assim, ou continuava o testamento, tal é o meu entusiasmo para lhe contar tudo ao pormenor :)

    Marta, continue a fazer sonhar quem a visita, com as suas lindas publicações.
    Beijinhos,
    Luísa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Luísa é que me faz sonhar com essa descrição! Consigo imaginar exactamente o que está a explicar. Estive uma vez em Helsínquia - que adorei, mas não tem a parte da decoração tão desenvolvida, mas também fiquei encantada com o cuidado e com os detalhes que colocam em tudo...

      Um beijinho Luísa, adorei! Obrigada!

      Eliminar
  4. Olá Marta,
    E estou de volta...
    Não lhe disse antes, mas faço troca de casa, há já algum tempo... e quanto mais trocas faço, mais gosto do conceito. É viver o real, sem quartos de hotel, como se estivesse na minha própria casa.
    Primeiro estranha-se, depois entranha-se :)

    Fotografei a casa onde fiquei... gravei na memória os pormenores, os cheiros, o som dos passarinhos, os lagos e os bosques... trouxe comigo a vontade de ficar mais tempo... Um dia volto.
    Adorei poder partilhar consigo este momento. Obrigada pela atenção.

    Beijinho,
    Luísa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Luísa, eu é que agradeço a sua partilha!

      Nunca fiz isso da troca de casa, é algo que me fascina por um lado e me faz alguma confusão, por outro...

      Beijinho,
      Marta

      Eliminar
  5. Olá Marta,

    É natural sentir-se assim... é como tudo que é novo para qualquer um de nós.
    Primeiro estranha-se, depois experimentamos e não vemos o porquê da nossa resistência à ideia. A insegurança desaparece à primeira troca... e sabe tão bem.

    Já fiz várias trocas... Paris, Espanha, Islândia, Suécia, etc...
    Adorei todas as viagens que fiz, adorei as casas onde fiquei.
    É super seguro. Afinal, "entregamos" a nossa casa a alguém que faz o mesmo por nós. Funciona mesmo.
    É muito gratificante poder viver muito perto a vida real num local/ país desconhecido (ou conhecido também), é tão verdadeiro quanto bom.
    Vivemos coisas que não viveríamos se ficássemos instalados num hotel, onde tudo é tão previsível.
    Inclusivamente, numa dessas viagens, já fiz troca de carro também.
    As crianças adoram!

    Vale a pena visitar o site www.homeexchange.com e amadurecer a ideia... Ajuda.

    Beijinho,
    Luísa

    ResponderEliminar

 
Its Monday But Its Ok! © 2013.

Design by The Blog Boat